7 dicas para não sair da dieta



Por Aline Monteiro

No mundo de hoje, tudo gira em torno da comida. Manter o controle da alimentação é, realmente, uma tarefa difícil, falta tempo, às vezes disposição, tem-se estresse e muito trabalho, em toda esquina um fast food, aos finais de semana tem-se os aniversários, casamentos, happy hour e até, um encontro com o sexo oposto pode colocar a dieta em risco, pois tudo começa ou termina com comidas e bebidas.

Contudo, os altos e baixos da reeducação alimentar são normais, e fazem parte do processo, afinal de contas não podemos viver sem ter uma vida social. Na reeducação alimentar, a única coisa que não é permitido é esmorecer e abandonar o barco. Portanto, se caiu em tentação, faça como recomenda a música: “levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”. Como? Veja as dicas abaixo para você retomar sua dieta.

1º) Não conte aos outros que você está de dieta. As pessoas adoram fazer cobranças e gracinhas. Quando insistirem para que você coma, invente algum problema de saúde ou simplesmente, diga obrigado(a). E caso você não resista, não se torture, tente apenas manter o controle da quantidade que se come. E lembre-se que o processo de reeducação alimentar é diário, tendo dias fáceis e difíceis. Portanto, continue, você está no caminho certo!!!

2º) Exagerou!? Compense. Principal regra da manutenção do peso. Se você exagerou numa refeição ou num dia, compense na próxima refeição ou no próximo dia, comendo apenas frutas, saladas cruas e tomando bastante líquidos. E depois retome sua dieta habitual. Mas lembre-se: nada de exagerar uma semana ou um mês e querer compensar na próxima semana ou no próximo mês.

3º) Coma de 3 em 3 horas. Primeiro passo da reeducação alimentar. Fazer refeições regulares mantém o estômago ocupado, prevenindo gastrites e a glicemia constante, evitando a liberação de hormônios que ativam a fome; Coma mesmo que não esteja sentindo fome, pois este é o objetivo: não senti-la!

4º) Tenha um cardápio com todos os grupos de alimentos – vitaminas, minerais, fibras, proteínas, açucares ou carboidratos e gorduras sim!!! Sempre em quantidades adequadas, pois não é o nutriente que engorda, e sim o desequilíbrio entre as quantidades de cada um deles;

5º) Beba bastante água. O ideal para um adulto saudável é cerca de 2litros/dia. A água é fundamental para regular a maioria das funções do corpo e fazer o intestino e os rins funcionarem bem, e o melhor de tudo, sem engordar, pois não possui calorias. Além do que, muitas vezes, a fome que se tem, nada mais é do que sede!

6º) Coma mais vegetais. Os vegetais, entre frutas, legumes e verduras, possuem fibras que possuem poder desintoxicante ao organismo. E além de fornecerem água, vitaminas e minerais, geralmente possuem baixas calorias e engordam pouco.

7º) Mexa-se – Faça uma atividade física que você goste e que lhe seja prazerosa. Contudo, evite fazer apenas aos finais de semana, isso pode ser prejudicial ao seu coração.

Não esqueça que todas estas recomendações ficam mais fáceis quando se tem ajuda de profissionais como Nutricionistas, Médicos e Educadores Físicos, pois somente estes poderão esclarecer suas dúvidas e orientar-lhe adequadamente para o alcance de seus objetivos, sem colocar em risco sua saúde e sua Vida. Avante!!!

0 comentários:

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

ARQUIVO