Conheça a LICHIA


Por: TATIANE GASPARETTO MELO.

Originária da China, onde é chamada de “rainha das frutas”, a lichia apareceu na vida dos brasileiros há pouquíssimo tempo, e era desconhecida, até então, pela maioria da população.


Relativamente nova no Brasil, a fruta começou a ser cultivada no interior de São Paulo e Minas Gerais, e só depois chegou com força aos quatro cantos do Brasil! Seu aspecto pode parecer estranho à primeira vista: a lichia possui uma casca grossa vermelha, mas sua aparência exótica esconde uma fruta de sabor docinho, que lembra a uva e por isso é facilmente aceita pelas crianças.

Como possui pouquíssimas calorias e muita água, essa fruta pode ser bem aproveitada por quem está querendo perder uns quilinhos: cada porção de 100 g possui apenas cerca de 65 calorias. E nessa mesma quantidade da fruta é possível encontrar 50 mg de vitamina C, o que ajuda no fortalecimento do sistema imunológico, além de funcionar como um antioxidante natural. A fruta apresenta vitaminas do complexo B, potássio, cálcio e fósforo. Possui, também, considerável quantidade de cobre, importante nutriente para o processo de cicatrização, essencial na produção do colágeno, além de ser importantíssimo para o desenvolvimento fetal. A fruta ainda conta com propriedades diuréticas e antitérmicas.

Só um cuidado: como é riquíssima em potássio (170 mg por 100 g de polpa), deve ser consumida com restrição por portadores de disfunções renais. Nesta situação, a alta concentração do nutriente pode causar arritmias cardíacas.

Chás
O chá da casca da lichia é largamente consumido em seu país de origem. A cultura milenar chinesa atribui à fruta uma série de outros benefícios, como seu poder no combate à diarreia e, consequentemente, a desidratação. O chá ainda é utilizado para aliviar tosses e dores de garganta provocadas por lesões nos nervos. A semente da fruta também pode trazer benfeitorias, e, quando transformada em pó, é usada no tratamento de problemas intestinais, isso devido a sua forte ação adstringente.

Além desses inúmeros atributos, a fruta ainda pode ser usada de diversas maneiras; desde que passou a ser conhecida em nosso país, já é possível encontrá-la misturada a drinks exóticos nos bares que aderiram a onda da lichia, e fica uma delícia em receitas de doces e manjares.

Experimente hoje mesmo a “Rainha das Frutas”, e desfrute de todos esses benefícios!

CURIOSIDADE:
Um estudo conduzido na Universidade de Hokkaido, no Japão, observou por dez semanas a perda de gordura na região abdominal em voluntários que receberam o extrato de lichia. E a surpresa foi que, ao final desse período, esses voluntários tiveram uma perda 15% maior em comparação aos participantes que receberam placebo. Os pesquisadores disseram que o efeito se deve à cianidina (um pigmento que tinge a casca de vermelho). Mas é importante lembrar que não existem milagres quando o assunto é emagrecimento, essa ajudinha da fruta deve vir associada a uma dieta saudável e à prática de atividades físicas.

Minha opinião sobre a lichia: O sabor me lembra de longe o de uma uva, mas... sei lá, é difícil descrever. Eu gosto muito. Recomendo a todos que provem!

5 comentários:

Valner Vaz disse...

Como faço para comprar o extrato de lichia????
Estou procurando na net, mas até agora não encontrei e qual a receita para consumir a casca???

19/1/12
Equipe Dicas de Nutrição disse...

Ola Valner, procure em lojas de produtos naturais que muitas ja estao comercializando.

19/1/12
Valner Vaz disse...

VC sabe de alguma??? pois não estou encontrando de jeito nenhum...

19/1/12
Equipe Dicas de Nutrição disse...

Procura por lojas Mundo verde, dependendo do seu caso é interessante procurar por uma nutricionista p/ ela adequar sua dieta

20/1/12
Adriano disse...

Boa tarde...

Fiquei muito interessado na perdade de gordura abdominal e entao comprei uma caixa de Lichia.
Mas qual a melhor forma de consumir essa fruta, comendo ela diretamente (quantas por dia??) fazendo suco tb seria bom, qual a melhor?? obrigado

28/1/12

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

ARQUIVO