Leite Fermentado

Por Nicolas Gonçalves

Entende-se por leite fermentado ou cultivado o produto cuja fermentação se realiza com um ou vários dos seguintes cultivos: Streptococcus salivarius subsp. thermophillus e Lactobacillus acidophilus, Lactobacillus casei, Bifidobacterium sp., e/ou outras bactérias lácticas que, por sua atividade, contribuem para a determinação das características do produto final.

Assim como outros produtos, o leite fermentado ou cultivado poderá ser também adoçado, aromatizado ou saborizado, devendo a informação estar contida no rótulo, conforme a legislação. Além disso, deverão ser mencionadas as expressões "Com creme", "Integral", "Parcialmente Desnatado" ou "Desnatado".

O leite fermentado é um alimento obtido através da fermentação láctea, sendo o leite pasteurizado ou esterilizado, por fermentos próprios. Na sua produção, ocorre uma diminuição do pH do leite envolvido e também sua coagulação. É considerado um alimento funcional, por conter os chamados probióticos.

Probióticos são microrganismos vivos que, como as fibras, atuam no intestino promovendo o equilíbrio da microbiota intestinal humana.


BENEFÍCIOS DOS PROBIÓTICOS

  • Ação antiinflamatória;
  • Estimulação do sistema imune;
  • Controle da microbiota intestinal;
  • Estabilização da microbiota intestinal após o uso de antibióticos;
  • Promoção da resistência gastrintestinal à colonização por patógenos;
  • Diminuição da população de patógenos;
  • Promoção da digestão da lactose em indivíduos intolerantes à lactose;
  • Alívio da constipação intestinal;
  • Aumento da absorção de minerais e produção de vitaminas;

Qual a quantidade a ser ingerida?

Recomenda-se o consumo de aproximadamente 180ml de leite fermentado (2 embalagens comerciais) ao dia.

Fontes:

www.wikipedia.org

www.ufgrs.br

www.rgnutri.com.br

0 comentários:

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

ARQUIVO