Dieta Enxaqueca


por Dra. Henriqueta Mendes – Nutricionista RN


A enxaqueca, na realidade, não é apenas um tipo de cefaléia, mas uma síndrome neurológica conhecida desde os primórdios da humanidade, afetando grande parte da população mundial. Caracteriza-se pela presença de dores de cabeça recorrentes, unilaterais ou bilaterais, geralmente de caráter pulsátil, com intensidade de moderada a intensa, precedidas ou não por sinais neurológicos focais denominados de aura. Usualmente é acompanhada de náuseas, vômitos, fonofobia e fotofobia.
As crises podem durar de 4 a 72 horas. Alguns sintomas premonitórios podem aparecer horas ou dias antes da cefaléia, incluindo falta de apetite, hiper-atividade, depressão nervosa, irritabilidade, bocejos repetidos, dificuldades de memória, desejos por alimentos específicos, como chocolate e sonolência.
A dor de cabeça enxaquecosa também pode ser observada nas crianças, nas quais pode se manifestar associada a dores abdominais recorrentes, vômitos cíclicos, tonturas e dores nas pernas.

Confira as dicas da Nutricionista a seguir:



Preferir:• Preparações com temperatura morna;
• Peixes gordos : cavalinha, salmão, sardinha e anchova. Eles
contém ômega 3, que possui poder antiinflamatório; e
• Fontes de magnésio (vasodilatador): hortelã, couve, alho, salsa, broto de trigo.

Evitar: Com grande frequencia: vinho tinto, creme de leite, queijos maduros, ameixas vermelhas, figo, fígado, salame, salsicha, vagem, berinjela,
molho de soja, caldos de carne, molhos comerciais, azeitona, amendoim, nozes, feijão, couve, manteiga;

• Doces concentrados: goiabada, doce de leite, marmelada, chocolate;
• Alimentos ricos em glutamato monossódico: comida congelada,
enlatados, maioneses, alimentos dietéticos, temperos prontos (cubos
e em pó), molho de soja;

• Bebidas ricas em cafeína: chá preto, café, chá mate, refrigerantes à
base de cola, achocolatados, chocolate, cacau, capuccino, guaraná natural;

• Alimentos com corantes: gelatinas, biscoitos coloridos, refrigerante de
laranja e uva, sorvetes coloridos, balas coloridas;

• Bebidas geladas, sorvetes e picolés;
• Alimentos relacionados à crises alérgicas: leite, trigo, ovos, soja, carne de porco, centeio, aveia, peixe;
• Frutas cítricas: laranja e uva principalmente; e
• Adoçantes à base de aspartame!


0 comentários:

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

ARQUIVO