Ir para escola em jejum faz mal?



DESJEJUM X APRENDIZADO ESCOLAR

Nos últimos anos as pesquisas têm demonstrado que no pré-escolar e escolar, o hábito de não tomar o desjejum (café da manhã), prejudica o rendimento físico e escolar, comprometendo a capacidade para realizar o trabalho.
            Não fazer o desjejum, significa um período de jejum de mais de 12 horas, durante os quais o organismo não tem uma fonte externa de combustível.
            Ao amanhecer, o organismo aciona fontes endógenas (internas) de energia para suprir suas exigências energéticas, que, por sua vez, tem a função de fornecer energia suficiente para o metabolismo cerebral.
            Quando o jejum se estende até o horário do almoço, o organismo ativa alguns mecanismos para manter seu funcionamento. Esta intensificação do metabolismo energético durante o jejum na criança e no adolescente verifica-se em uma queda mais rápida nas concentrações de glicose sanguínea em comparação com o adulto.
            Observou-se que o intelecto de maior vulnerabilidade foi com a capacidade do organismo para receber e atender a informação ambiental. O impedimento na recepção de informação diminui por sua vez o aprendizado.
           
REAÇÕES ORGÂNICAS:

§  O organismo acaba utilizando as proteínas do próprio corpo para manter os líquidos orgânicos em níveis suficientes para o trabalho celular, sendo extremamente importante para que as células cerebrais não sejam lesadas;

§  O organismo diminui o ritmo de todas as funções biológicas, trazendo malefícios da fome e redução das capacidades. Por isso, o final da manhã é penoso para quem permanece em jejum. Os professores queixam-se de alunos desatentos e inquietos, imprecisos no raciocínio, estranhos, desanimados e/ ou agressivos. É o momento onde muitas pessoas sentem dores de cabeça, enjoos, transpiração, tonturas e vista turva.

    Algumas dicas para estimular o desjejum:

            * Dar o exemplo – fazendo o desjejum, sem exageros;
            * Educar o paladar desde cedo para as frutas;
            * Encorajar a experimentar novos alimentos;
            * Associar alimentos apreciados e não apreciados, como por exemplo, frutas no cereal matinal, etc.
            * O desjejum saudável deve incluir leite e seus derivados, pão e/ ou cereal matinal e frutas.

           Se estas dicas forem consideradas, a boa alimentação estará a caminho, como também um crescimento físico e mental adequados.

0 comentários:

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

ARQUIVO