Comportamento Magro e Festas de Fim de Ano


Quanta ansiedade! Fim de ano, fim de muitas expectativas, metas não alcançadas, sonhos que se esvaem.

Chegando o do fim do ano, refletimos e revemos nossa vida, e com tristeza ou alegria, fazendo um balanço do que alcançamos.

E quando o assunto é o peso, podemos ficar felizes ou tristes. Felizes quando conseguirmos reconhecer que talvez não alcançaram a meta pretendida, mas tiverem conquistas e mudanças alimentares, ou tristes, quando não conseguiram ainda adquirir um comportamento alimentar adequado, que envolve cuidar tanto do físico, quanto do emocional.

Porém além dessas festas tradicionais, criaram os amigos secretos, festas de encerramento das atividades das empresas, aumentando ainda mais a angústia de quem perder peso, para curtirem a praia com um corpo mais enxuto.

Deparamos com o encerramento de um ciclo e início de outro, pois afinal começará um novo ano, agregando novos sonhos em nossas vidas.

Mas podemos cuidar para que esse início de ciclo seja mais prazeroso, comportando-se magro, e aproveitando melhor as festas.

1- Festas de natal e ano novo podem ser celebradas com mais tranquilidade quando nos focamos em seu verdadeiro sentindo, desfocando nas abundantes comidas que as famílias costumam oferecer.

2- Coma para sua fome, não caindo na tentação de comer de tudo, pois afinal é dia de comemoração.

3- Realize a ceia de natal mais cedo, pois a meia noite é muito tarde para ingerirmos alimentos mais pesados.

4- Não esperem servirem a comida sem realizar lanches pequenos e leves. O ideal é chegar no horário da ceia com pouca fome, e comer pouco e com qualidade. Para isso, não se esqueçam dos lanches intermediários.

5- Abuse de verduras, frutas, e abstenham-se das bebidas alcoólicas.

6- Lembre-se que ao chutar o balde e comerem em excesso, vão sentir que ficaram cheias, e a sensação de desconforto e descontrole vai pesar nos dias seguintes, minando sua auto estima.

7- Quando liberamos nosso foco e queremos comer tudo, de festa em festa, vamos aumentando os ponteiros de nossa balança, ficando difícil recuperar o peso anterior.

8- Atividade física também se faz nessas datas. Podemos optar por caminhadas, corridas, bike e vale até dançar!

9- Lembre-se que a única pessoa capaz de ajudá-la é você mesma, portanto, a responsabilidade é sua.

10- Ser feliz, comemorar, é estar com pessoas queridas, sentindo e usufruindo da verdadeira mensagem que o Natal e Ano Novo trazem.

“Decidir comprometer-se com resultados de longo prazo ao invés de reparos em curto prazo, é tão importante quanto qualquer decisão que você fará em toda a sua vida. (autor desconhecido)

Psicóloga Luciana Kotaka

CRP –08/06502-1

Especialista em Obesidade e Transtornos Alimentares

www.lucianakotaka.com.br

Curitiba – PR

0 comentários:

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

ARQUIVO