Pular para o conteúdo principal

Matérias | Nutrição e Radicais Livres



O sangue é produto da digestão, e a digestão é o processamento do que comemos e de como comemos. No processo de biotransformação do alimento em nutrientes e dos nutrientes em energia ocorre produção de radicais livres (RLs). Os RLs são normais e necessários mas quando produzidos ou ingeridos em excesso, ou gerados a partir da poluição do ar e da água, metais tóxicos, química alimentar, ácidos graxos, bebidas alcoólicas, fumo, drogas, medicamentos e radiação, o organismo se depara com um nível muito elevado de RLs para o qual não está preparado. O sistema celular está carregado com antioxidantes endógenos apenas para os níveis normais de RLs, mas a vida moderna oferece uma sobretaxa desconhecida à estrutura genética. O excesso de RLs provoca a formação de ácidos que se precipitam obstruindo os canais iônicos das células, prejudicando a boa circulação biodinâmica do organismo (função dos hormônios, neurotransmissores, nutrientes, medicamentos, estímulos elétricos).

Esse processo anormal provoca estresse oxidativo no organismo, isto é, envelhecimento antecipado e sobrecarga metabólica, que prejudica muito as funções de todos os órgãos além de comprometer o sistema enzimático, o qual faz o organismo funcionar. A elevação dos radicais livres tem como resultado diversos quadros clínicos como artrite, artrose, osteoporose, arteriosclerose, Mal de Parkinson ou de Alzheimer, enxaqueca, falta de energia, irritabilidade, insônia, câncer dentre outros.

Já que essas micromoléculas em excesso, os radicais livres, provocam tantos problemas, a prevenção e o tratamento adequados com métodos bioenergéticos e alimentares têm o poder de prevenir e beneficiar a saúde.

Fonte: bemcomVOCÊ

Comentários

REFLEXOLOGIA disse…
...ENXAQUECA
Sou terapeuta em REFLEXOLOGIA,
pelo IOR, 73 anos de idade com 40 anos dedicados ao estudo e pesquisa do comportamento humano. Tenho atendido vários portadores de ENXAQUECA, (DÔRES DE CABEÇA MUITO INTENSA).
Aplicando as técnicas de REFLEXOLOGIA, consigo obter ótimos resultados; oferecendo assim uma excelente qualidade de vida aos clientes.
A REFLEXOLOGIA consiste em ativar pontos específicos nos pés; não tem contra indicação para estes casos e não usa medicamentos
Visite meu Site: www.djalma.com.br
São Paulo SP ( Metrô Santana) BRASIL. :.
Kilza Miranda disse…
Boa tarde, já ouvi comentários sobre a Reflexologia. Estarei visitando o site! Abraços e ótimo final de semana!

Postagens mais visitadas deste blog

Afinal quais são os alimentos constipantes e laxantes?

Dra. Judith Godoy Moreira Pereira – Nutricionista MG

Alimentos laxantes indicados para quem apresenta constipação: abacate, abacaxi, abobrinha, acelga, agrião, alface, ameixa-preta e amarela, avelã, berinjela, bertalha, brócolis, compotas, castanha-do-pará, cenoura crua, cereais integrais, chicória, couve, creme de leite, embutidos, farinha de aveia, aveia em flocos, figo, fubá, frutas oleaginosas, frutas secas, geléia, gema de ovo, grão-de-bico, jaca, kiwi, laranja, lentilha, mamão, manga, morango, quiabo, tangerina, uva, vagem, inhame.
Na constipação utilizar alimentos crus e folhas nas saladas. Farelos de trigo, farelo de arroz ou outra fibra integral natural, podem ser adicionados às refeições para aumentar o aporte de fibras totais da dieta.

Alimentos constipantes indicados na diarréia: Amido de milho, batata-inglesa, banana-prata, banana-maçã, cream cracker, cará, caju, cenoura cozida, cevada, chá-preto, creme de arroz, fécula de batata, goiaba, limonada, maçã, maisena, farinha de a…

Dicas Nutricionais para Ganho de Peso em Crianças

O baixo peso apresenta risco de desenvolvimento insatisfatório, o seu crescimento e o processo de aprendizagem podem ficar prejudicados, temporariamente ou definitivamente, vai depender da gravidade e do período em que a criança permanecer com peso baixo. Por isso, é importante buscar alternativas que recuperem o estado nutricional da criança o mais rápido possível:
* Separe a refeição em um prato individual para se ter certeza do quanto à criança está realmente ingerindo; * Esteja presente junto às refeições mesmo que a criança já coma sozinha, você poderá ajudá-la se necessário; * Não apresse a criança, é necessário ter paciência e bom humor; * Alimente a criança tão logo ela demonstre fome. Se a criança esperar muito ela perde o apetite; * Não force a criança a comer, isso aumenta o estresse e diminui ainda mais o apetite. As refeições devem ser tranqüilas e felizes; * Acrescente Azeite de Oliva Extra Virgem nas refeições para aumentar o valor calórico da dieta: para crianças menores de …

Orientações Nutricionais para uma Vida Saudável

1-Mastigue bem os alimentos, comendo devagar para facilitar a digestão e saborear os alimentos;

2-Procure fazer as refeições em lugar tranqüilo, evitando outro tipo de atividade enquanto se alimenta, como por exemplo, assistir TV;

3-Fazer em torno de 5 a 6 refeições diárias, evitando longos períodos de jejum (ficar mais do que 4 horas sem se alimentar);

4-Ingerir em torno de 3 litros de líquidos durante o dia, água, sucos, chás, pois auxilia no funcionamento do intestino, transporte dos nutrientes e excreção das substâncias tóxicas;

5-Evite a ingestão de líquidos durante as refeições, pois dificulta a digestão, absorção e utilização dos nutrientes, o ideal é ingerir líquidos 30 min. antes ou 1 hora depois das grandes refeições (almoço e jantar);

6-Dar preferência para as preparações com menor teor de gorduras evitando assim o consumo de toucinho, bacon, torresmo, banha, margarina, manteiga e maionese. Veja a receita da Maionese de Soja, bem mais saudável!

7-Não reutilize o óleo de fritura, …